2º Mandamento

[Por: Arthur W. Pink]

Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.” (Ex.20:4-6)

“Ao proibir as imagens, Deus por paridade de raciocínio, proíbe todos os outros modos e meios de culto não indicados por Ele. Todas as formas de culto, mesmo ao próprio verdadeiro Deus, que sejam contrárias ou diversas do que o Senhor prescreveu na sua palavra – que é chamado pelo apóstolo de “culto de si mesmo” (Cl.2:23) – juntamente com toda a corrupção do verdadeiro culto a Deus e todas as inclinações do coração na direção de superstições no serviço de Deus são repreendidas por esse mandamento.”
___________________________________________________________________
Arthur W. Pink – Os Dez Mandamentos, Editora Monergismo – p. 31
Fonte: Ronaldo José Vicente