8º Mandamento

[Por: Arthur W. Pink]

Não furtarás” (Ex.20:15)

“O fato solene e impressionante que merece ser apontado é que o primeiro pecado cometido pela espécie humana envolveu furto: Eva tomou (furtou) do fruto proibido. Assim, também, o primeiro pecado registrado contra Israel depois que eles entraram na terra de Canaã foi o de furto: Acã roubou de entre o espólio (Js.7:21). Da mesma maneira, o primeiro pecado que contaminou a Igreja Crstã primitiva foi o roubo; Ananias, com Safira, sua mulher, “reteve parte do preço” (At 5:2). Como é freguente ser esse o primeiro pecado cometido externamente por crianças! E, portanto, esse divino preceito deveria ser ensinado a elas desde a mais tenra infância. Há alguns anos, visitamos uma família, e nossa anfitriã nos relatou como ela havia naquele dia secretamente observado sua filha (com aproximadamente quatro anos de idade) entrar num quarto onde estava um grande cacho de uvas. A criancinha olhou para ela cheia de vontade, subiu na mesa e, então, disse: – Fora daqui, Satã. Está escrito: Não furtarás, e correu para fora do aposento.

Mas existem outras maneiras pelas quais essa transgressão pode ser cometida além da recusa em sustentar financeiramente a causa de Deus sobre a terra. Deus é roubado quando retemos a glória que a Ele é devida, e somos ladrões espirituais quando arrogamos para nós mesmos a honra e o louvor que só a Ele pertencem.”
___________________________________________________________________
Arthur W. Pink – Os Dez Mandamentos, Editora Monergismo – p. 68-69
Fonte: Ronaldo José Vicente