A união hipostática e a união mística do crente com Cristo

[Por: Thomas Manton]

“…Na união hipostática, nossa natureza está unida à natureza de Cristo; na união mística, nossa pessoa com sua pessoa”.

“Na união hipostática, Cristo uniu-se à nossa família; na união mística, a alma é a noiva… Assim, Cristo primeiro honrou nossa natureza e,  então, nossas pessoas; primeiro, ele assumiu nossa natureza e, então, desposou nossas pessoas”.

“Na união hipostática, Cristo era uma pessoa antes que assumisse a natureza humana; [e portanto] o corpo é um instrumento passivo… na união mística, a parte de Cristo é ativa, a nossa passiva”.

“A união hipostática é indissolúvel; nunca foi deixada de lado, nem na morte…. Da mesma forma é a união mística; e nós nunca seremos separados”.

“Pela união hipostática, Cristo é feito nosso irmão, ele obteve afinidade com a natureza humana; pela união mística ele é feito nosso cabeça e marido, ele casou-se com nossas pessoas.”…
___________________________________________________________________
Thomas Manton – Complete Works of Thomas Manton, D.D. Vol. XI (citado por Dr. Joel Beeke)
Fonte / tradução: Reforma21

Outras obras AQUI