A profissão de fé e a prática cristã

[Por: Christopher Love]

Mas ele disse: Antes bem-aventurados os que ouvem a palavra de Deus e a guardam.
[
Lucas 11:28]

“…Considerem: Deus olha para a sua profissão como em nada válida, a menos que vocês pratiquem o que vocês ouvem. Na aritmética, mesmo colocando tantos zeros juntos eles não somam nada, mas coloquem um algarismo junto, e em seguida, faz-se uma grande soma. Assim, jamais façam tantas orações e jamais ouçam tantos sermões, ainda assim tudo permanece apenas como zeros, a menos que vocês juntem isso com um curso de vida consciente, de acordo com o que vocês ouvem e com o que vocês oram.

Considere, você (que tem sido um professo por tanto tempo) gostaria que Deus olhasse para você como tendo sido um homem profano toda a sua vida? Deus olha para você, como tal, se você não pratica o que você ouve e conhece: “Eram, porém, os filhos de Eli filhos de Belial; não conheciam ao Senhor” (1 Samuel 2:12). Eles não conheciam a Deus? Certamente conheciam! Por sua educação eles tinham um conhecimento especulativo de Deus e de Sua lei, pois eram sacerdotes do Senhor, e Deus não escolheria homens ignorantes como Seus sacerdotes. Mas eles não tinham conhecimento prático, eficaz e salvífico de Deus, pois eram homens de vidas e conversas ímpias, e, portanto, Deus olhou para o seu conhecimento como nenhum conhecimento, e para a sua profissão [de fé] como uma profissão vã.”…
___________________________________________________________________
Christopher Love – A Description of True Blessedness  (Uma descrição da verdadeira Bem-Aventurança)
Fonte – The Old Time Gospel
Tradução – O Estandarte de Cristo