O Juízo de Deus sobre Seus Inimigos

[Por: Jonathan Edwards]

“…Deus agora se manifestou para executar juízos terríveis sobre seus inimigos. Os registros históricos fornecem relatos surpreendentes do quão terrível foi fim de imperadores, príncipes, generais e capitães pagãos que se empenhavam na perseguição de cristãos; morrendo miseravelmente, um após o outro, sofrendo estranhos tormentos do corpo, horrores na consciência, com a mão de Deus visivelmente pesando contra eles… Satanás, o príncipe das trevas, o rei e deus dos pagãos, estava sendo derrubado. O leão que ruge foi conquistado pelo Cordeiro de Deus, no mais forte domínio que ele já teve… Está escrito que era algo desconhecido que uma nação mudasse de deuses (Jr 2.10,11), mas agora a maioria das nações do mundo conhecido estava sendo levados a abandonar seus deuses antigos. A multidão dos deuses que eles adoravam foram todos abandonados. Milhares deles foram renunciados para que passassem a adorar o único Deus e Cristo, o único Salvador… E desde então, aqueles deuses que eram tão famosos no mundo, como Júpiter, Saturno, Minerva e Juno são somente lembrados como coisas do passado. Há muitos séculos eles não têm templos, altares e adoradores. O Evangelho prevalecendo da maneira que fez contra uma oposição tão forte demonstra claramente a mão de Deus. O governo romano que, com tanta violência, trabalhou para impedir o sucesso do Evangelho e para destruir a Igreja de Cristo, foi o Império mais potente que já havia aparecido no mundo; e não somente isso, mas também parecia ter a Igreja nas mãos. Os cristãos que estavam sob seu domínio nunca pegaram nas armas para se defender, se armaram unicamente com a paciência e armas espirituais. Ainda assim, essa grande potencia não podia conquista-los, mas o Cristianismo é que prevaleceu. O Império Romano havia dominado muitos reinos poderosos; eles dominaram a monarquia Grega, apesar desta ter resistido ao máximo. Mas não foram capazes de conquistar a Igreja em suas mãos. Pelo contrário, a Igreja triunfou e prevaleceu.“…
___________________________________________________________________
Jonathan Edwards – A history of the work of redemption (Uma História da Obra da Redenção). O Sucesso da Redenção Desde a Redenção a Destruição de Jerusalém Até o Tempo de Constantino
Tradução: Frank Brito
Outras obras de Jonathan Edwards